4 Comentários

  1. Josineide Arruda

    Antes do tratamento decidi cortar o cabelo bem curto. E após os 10 dias da primeira sessão meus cabelos começaram a cair, logo após o Natal de 2016, então decidi cortar mais curto ainda, mas, não passei a máquina, queria ver todo o processo da queda, até ficar careca, que foi tudo muito rápido, hj meus cabelos já estão crescendo. Usei lenços, chapéu e peruca, curti todos e ainda curto.
    Quando resolvi cortar bem curtinho, alguns familiares estavam presente, mãe, irmãs, sobrinhos e cunhadas. Só chorei quando meu sobrinho falou: titia a perda dos seus cabelos faz parte do tratamento, com isso me derreti no choro.

  2. Lisandra Sandri

    Passei por todas estas fases, tendo como marco doloso, o dia em que realmente precisei cortar os poucos fios de cabelo que ainda restavam em minha cabeça! Acordei na terça-feira, decidida que iria assumir minha careca, levantei, tomei banho, o banheiro, meu quarto e todo o restante da casa tinham mais cabelo do que restava em minha cabeça! Olhei para minha filha de sete anos e lhe avisei que iria cortar o cabelo, quando disse isso, ela pediu pra me acompanhar. Decidida sobre o que deveria fazer, sentei na cadeira do salão, minha cabeleireira colocou a capa, td sob muita tensão, quando minha filha, com um carinho enorme, assumindo a maturidade do momento, me diz: não importa os cabelos, o que importa é você ficar bem! Choro brotou em nossos olhos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *