Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas e aumentam as chances de Cura

Câncer e os Exames Preventivos que podem salvar vidas.

Esse é tema desse Artigo, pois muitas vezes a detecção precoce pode fazer toda diferença para a cura.

Então agora, você irá entender porque diagnosticar um tumor em estágio inicial é decisivo para ter sucesso no tratamento. E aumentam significativamente as chances de cura.

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

Você também irá conhecer os principais Exames Preventivos disponíveis para detectar precocemente os mais variados tipos de câncer.

 

Infelizmente por falta de conhecimento e até mesmo por uma questão cultural ( o brasileiro não pratica a medicina preventiva).

Nós, de maneira geral, só conhecemos a medicina curativa. Em outras palavras, só vamos ao médico quando estamos doentes. com alguma dor ou sentindo que algo está errado.

Tem até aquele ditado infeliz que diz: “Quem procura, acha!”

Mas quem acha tem maiores chances de cura, né?

Essa mentalidade  pode ser muito ruim quando estamos falando de uma doença silenciosa, que vem chegando no nosso corpo e se espalha sorrateiramente.

Câncer e os Exames Preventivos que podem salvar vidas

 Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

Georgios Papanicolaou (1883-1962), médico formado na Grécia, emigrou para os EUA em 1913. Após alguns meses, o jovem doutor  recebeu uma carta que mudou a sua vida: Tinha sido admitido como pesquisador da Universidade Cornell.

Sua missão no laboratório era estudar o ciclo menstrual de porquinhas-da-índia. Foi lá que o cientista aprendeu a coletar e pesquisar as células do útero das cobaias.

Nos anos seguintes, ele expandiu a experiência para mulheres e percebeu que a análise do material obtido era capaz de indicar a presença de unidades defeituosas: O embrião de um tumor maligno.

Surgia assim, o Papanicolaou, teste empregado até hoje para flagrar o câncer no colo uterino e o primeiro método de rastreamento do câncer.

Papanicolaou,  e a técnica que leva seu nome, inaugurava uma nova fase na oncologia: A chamada prevenção secundária.

Ela envolve a realização desse e de outros exames, como a mamografia e a colonoscopia, em um grande número de pessoas saudáveis, com o objetivo de diagnosticar um câncer em sua fase inicial.

Esses check-ups que iremos falar além do Papanicoloau , é um complemento à prevenção primária, ou seja a adoção de hábitos que minimizamos riscos do câncer aparecer.

Porque o que de fato previne câncer  são os nossos hábitos !

Já falei sobre esse assunto no Artigo:

5 Hábitos Saudáveis que te garantem uma Vida Saudável e longe do Câncer e de outras  doenças

Mas o que justifica fazer um exames em pessoas sem queixas e aparentemente saudáveis?

Como eu já disse,  o Câncer é uma doença silenciosa e a detecção precoce aumenta as chances de cura.

As estatísticas falam por si: 90% das mulheres com câncer de mama na fase inicial sobrevivem , contra 15% daquelas que são diagnosticadas em estadiamento avançado.

E dados similares figuram entre os cânceres de próstata , intestino, pulmão,etc…

CÂNCER DE COLO DE ÚTERO

EXAME– Papanicoloau

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

QUEM DEVE FAZER – mulheres que já iniciaram a sua vida sexual, especialmente as que têm entre 25 e 64 anos

PERIODICIDADE – 1 vez por ano

Serve para diagnosticar inflamação vaginal, doenças sexualmente transmissíveis como o HPV e para identificar a presença de câncer de colo do útero.

O papanicoloau é um exame extremamente bem sucedido, capaz de baixar em até 80% a incidência do câncer de colo de útero.

CÂNCER DE MAMA

EXAME– Mamografia, ultrassonografia,biópsia

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

 

QUEM DEVE FAZER –Todas as mulheres a partir de 40 anos. E mulheres que têm casos de câncer de mama na família devem começar ao menos 5 anos antes da idade que a pessoa foi diagnosticada.

PERIODICIDADE – 1 vez ao ano.

A mamografia é um exame que causa muita polêmica e controvérsia. Volta e meia tem um boato na internet de pessoas até bem intencionadas espalhando a mensagem de que fazer mamografia causa câncer.

Eu sei, eu sei que esse exame é desconfortável pra caramba.

Te juro que quando tenho que fazer mamografia me pego imaginando em como os homens reagiriam a esse tipo de exame. Especialmente se o exame fosse realizado lá nas partes baixas…hehe!

Mas o fato é que fazer mamografia não causa câncer de tireoide ou qualquer outro câncer.

Ao fazer mamografia estamos sujeitas à radiação. Ok!

Mas devemos ter em mente que não é à toa que, antes de serem liberados à população, os métodos de detecção passam por estudos entre milhares e milhares de pessoas.

Só assim é possível atestar que os ganhos de descobrir o problema mais cedo , superam possíveis danos dos exames.

Outro ponto que gostaria de salientar quanto aos exames de prevenção do Câncer de Mama, é que nem sempre os exames de imagem são garantia de um diagnóstico correto.

Como assim Paty? Você está me dizendo que mesmo depois de eu ter tido a minha mama amassada pela mamografia e mesmo que eu faça ultrassom, ainda assim pode haver erro e eu não ser diagnosticada corretamente?

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

Sinto te informar que sim!!!!

Foi exatamente isso que aconteceu comigo.

Por que?

Além da negligência Médica, já que meu exame deu BI-RADS 3 e ainda assim a mastologista que me acompanhava não solicitou biópsia porque estava certa de que eu não tinha nada.

Então, fica ligada que esses exames são de imagens  portanto, passíveis de erro.

O fato da minha ex- mastologista não ter solicitado biópsia fez com que eu fosse diagnosticada com quase 1 ano de atraso, após a primeira consulta para saber que caroço era aquele no meu seio.

Se essa Mastologista tivesse me diagnosticado corretamente na primeira consulta, certamente o meu diagnóstico não seria câncer de mama infiltrante grau 3.

E eu certamente, não teria que passar por um tratamento tão longo e sacrificante!

E você pode estar aí pensando:

Nossa! Que falta de sorte!

Mas também sinto em te informar que casos como o  meu é muito mais comum do que se imagina.

Eu já perdi a conta de e-mails e mensagens de pessoas relatando histórias muito parecidas com a minha.

Hoje eu entendo porque um câncer que tem o melhor prognóstico, com chances de cura de até 90% é o que mais mata muheres em nosso País.

Então, vou te repetir o que eu ouvi do médico que me diagnosticou na Alemanha:

– Que sentido faz, acompanhar um suposto nódulo que têm a tendência de crescer e ainda existe um risco de que ele sofra mutação?

Portanto, se você tem um nódulo é importante fazer os exames de imagem como a mamografia e ultrassonografia.

Mas não confie 100% quando seu médico diz não ser nada. Ele não tem 100% de certeza. Exija biópsia!

CÂNCER COLORRETAL

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

EXAME– Colonoscopia

QUEM DEVE FAZER – Quando há histórico familiar a partir dos 40 anos. Quando não  há, a partir dos 50 anos

PERIODICIDADE– A cada 5 anos se não forem encontradas alterações nos exames

O rastreamento dos tumores no intestino grosso está entre os campeões em quantidade de evidências científicas que comprovam a sua efetividade.

Porém, quase ninguém faz porque tem medo e vergonha.

O exame precisa de sedação e consiste em introduzir um tubo flexível  com uma câmera pelo anús.

O sangue nas fezes também pode ser um sintoma do câncer colorretal.

CÂNCER DE PULMÃO

O tumor que mais mata no mundo, passou a ser mais rastreável após um estudo americano que acompanhou 53.000 tabagistas.

Metade deles fez tomografias de tórax de baixa radiação. E a outra metade passou por radiografia.

E o grupo da tomografia teve uma redução de 20% da mortalidade da doença, devido à detecção precoce.

EXAME– Tomografia computadorizada de baixa dosagem

Câncer e os Exames Preventivos que salvam vidas

QUEM DEVE FAZER – Tabagistas ou quem parou de fumar  há menos de 15 anos.

Pessoas que fumaram pelo menos um maço de cigarro diariamente nas ultimas três décadas com idade entre 55 e 74 anos.

PERIODICIDADE – Uma vez ao ano.

A tendência atual é individualizar as recomendações de rastreamento.  E restringir a prescrição dos exames a um grupo específico de pacientes, que apresentam uma probabilidade elevada de ter a doença. Como, por exemplo, a tomografia anual para fumantes com mais de 55 anos.

O ideal é que o médico e paciente compartilhem impressões e decidam juntos, quando e como fazer o checkup.

Já que desde a invenção do Papanicoloau, a mira para flagrar o câncer ficou, sem dúvida, mais certeira.

Mas é o uso consciente dessa arma  ( e a escolha dos alvos) que tornará a guerra contra o câncer mais inteligente e efetiva.

Até porque lembrando mais uma vez, os exames  são importantes para a detecção precoce da doença, mas são apenas pedaços de papel.

O que de fato previne o câncer é o seu estilo de vida!

 

Após o diagnóstico de câncer, você sabe as perguntas certas que deve fazer para o seu Oncologista ?

Já no início do meu tratamento, em 2014, criei esse blog para compartilhar tudo o que estava aprendendo desde então.

E desde essa época, eu tenho falado com centenas de pacientes com câncer…

E as dúvidas são recorrentes.

Decidi então escrever esse manual pra te ajudar.

Assim que fui diagnosticada, eu adoraria ter a orientação de alguém  que já passou pela experiência que eu estava prestes a iniciar!

Eu estava assustada, me sentia perdida e sozinha…

Por isso, escrevi esse guia com 50 PERGUNTAS PARA O SEU ONCOLOGISTA.

Você pode ter acesso GRATUITAMENTE  a uma compilação de questões essenciais apresentadas por mim,  pelos médicos, outros pacientes e seus entes queridos.

O guia inclui uma lista de perguntas para impressão.

Não deixe o medo, incerteza e a impotência influenciar o seu processo de tomada de decisão.

Basta clicar na foto foto e cadastrar o e-mail para onde você deseja que o Livro Digital seja enviado.

 

8 Comentários


  1. Oi querida, obrigada pelo carinho! ninguém melhor que você para conhecer seu próprio corpo… Siga a sua intuição. Um médico não pode dizer com absoluta certeza que não é nada se ele não fez biopsia.


  2. Olá, Paty. Há quatro anos faço mamografia e ultrassonografia nas mamas. Como não tive filhos, os médicos que consulto periodicamente, disseram que tenho custos, e passavam um medicamento. A última mamografia, apontou o resultado Bi rads 2, e continuou com a medicação. Mas de uns tempos pra cá, sinto a mama esquerda dolorida, e percebo uma massa acima do mamilo, assim como uma mancha. A ginecologista a qual me consulto há anos, me disse que não há nada. Já marquei novos exames para esse ano, tô aguardando. Pela sua experiência, devo me preocupar? Bjs e parabéns a vc, Paty. Vc é uma guerreira. Te admiro muito, apesar de conhecer sua história a tão pouco tempo. Obrigada.


  3. Uma coisa que o Câncer me ensinou é ser uma paciente pró-ativa e participativa. Essa é a sua vida! Você mais que ninguém conhece o seu corpo. É preciso primeiro ter as informações do que é melhor para a sua saúde, para que você faça as melhores escolhas. Não espere pelos médicos, pergunte, questione, solicite exames se necessário. Prevenir é sempre melhor que remediar!

← Anteriores Página 2 de 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *