10 Alimentos que mais causam Câncer . O #7 é inacreditável!

Você sabe quais os Alimentos que mais causam Câncer ?

Aposto que você irá se surpreender com alguns alimentos que estão listados entre os mais cancerígenos.

Decidi compartilhar essas informações porque diversas comidas que causam a doença são consumidas o dia inteiro por todos nós.

Eu mesma, após o meu diagnóstico, quando comecei a me informar melhor sobre esse assunto me surpreendi várias vezes!

Atualmente 20 milhões de pessoas no mundo tem câncer ! 1 a cada 3 pessoas em todo o mundo será diagnosticada com câncer.

E segundo cientistas britânicos essa assombrosa estimativa ainda pode piorar!

2 em 3 pessoas nascidas hoje poderão desenvolver câncer.

Além disso, as estimativas da Cancer Research UK demonstram que metade de todos os adultos nascidos a partir de 1960 pode sofrer com a doença ao longo da vida.

E o mais revoltante é saber que, segundo a Organização Mundial da Saúde, um terço dos casos de câncer são evitáveis.

Acontece que a pré disposição genética influencia, segundo diversos estudos em no máximo 15 % dos casos de câncer. E portanto, os outros 85%, estão relacionados ao nosso estilo de vida.

Já falei aqui no Blog sobre os 5 Hábitos Saudáveis que garantem uma vida longe do Câncer e de outras doenças.

E a alimentação certamente é um dos pilares fundamentais que sustentam a nossa saúde.

Tudo o que colocamos na nossa boca, faz diferença! E pode se transformar em remédio ou veneno.

Esse artigo é uma tentativa desesperada de conscientizar sobre o quanto você pode estar se envenenando a cada mordida.

Essa é a lista com os 10 Alimentos que mais causam Câncer e, infelizmente, estão em nossa mesa.

1 – Farinha branca

10 alimentos que mais causam câncer

Você sabia que quando os grãos de trigo são refinados, os seus nutrientes naturais são todos destruídos? Esse é apenas o começo.

Depois de refinada, a farinha não fica branca imediatamente, é preciso usar um gás de cloro para acelerar o processo. Esse produto químico é altamente perigoso e se inalado em excesso pode ser letal.

Além disso, o câncer se alimenta principalmente do açúcar na corrente sanguínea.

Consumindo alimentos ricos em farinha branca, você estará acelerando não só a possibilidade de ter diabetes. Mas também estará aumentando o nível de açúcar e insulina.

E para completar,  também irá alimentar as células cancerígenas, aumentando a probabilidade de se ter a doença.

Portanto, substitua os alimentos que levam farinha branca como pães e bolos por farinhas mais saudáveis.

10 alimentos que mais causam câncer

No Livro “ barriga de trigo” ( que eu super recomendo), o autor William Davis, um cardiologista especializado em medicina preventiva, mostra  através de inúmeros estudos, que parar de comer trigo-mesmo o integral- pode ajudar a perder peso, reduzir gordura localizada e eliminar vários problemas de saúde, como :

  • Alívio da síndrome metabólica e do diabetes do tipo 2
  • Cura dos transtornos intestinais, como a colite ulcerativa e a doença celíaca
  • Melhora acentuada das taxas de colesterol total e LDL.
  • Recuperação da densidade óssea e reversão da osteopenia
  • Redução de alguns sintomas da artrite reumatoide ( inflamação e dor)

2. Carnes Processadas

10 alimentos que mais causam câncer

Para quem não sabe, as carnes processadas são também aquelas conhecidas como alimentos embutidos, como a linguiça, salsicha, bacon, carnes secas, mortadela, presunto, rosbife, entre outros.

Essas carnes processadas trazem produtos químicos e conservantes, como nitrato de sódio, para que elas tenham uma aparência melhor e mantenham-se frescas por mais tempo.

Porém, esses mesmos ingredientes são conhecidos por sua influência cancerígena, já que possuem alcatrão, o mesmo ingrediente mortal que a fumaça do cigarro possui.

Acontece que o consumo de produtos como salsicha, linguiça bacon e presunto, aumenta o risco de câncer do intestino em humanos. Afirma um novo relatório da OMS (Organização Mundial da Saúde).

De acordo com o documento, a carne processada é um fator de risco certo para a doença, e carnes vermelhas de um modo geral são um fator de risco “provável”.

As carnes processadas foram colocadas na lista do grupo 1 de carcinogênicos – que já inclui tabaco, amianto e fumaça de diesel – para os quais já há “evidência suficiente” de ligação com o câncer.

O relatório foi feito pela IARC (Agência Internacional de Pesquisa do Câncer), órgão ligado à OMS.

Um estudo de meta-análise — que avaliou diversos outros estudos– estima que cada porção diária de 50 gramas de carne processada aumente o risco de câncer colorretal em 18%.

Esse tipo de câncer é hoje o segundo mais diagnosticado em mulheres e o terceiro em homens, e está matando 694 mil pessoas por ano (segundo dados de 2012 da OMS, os mais recentes).

3 – Álcool

10 alimentos que mais causam câncer

Não se espante ao saber que o álcool é cancerígeno. Foi feito um estudo com 200 mil mulheres por quase 14 anos. Metade tomavam bebidas alcoólicas todo dia e a outra metade, não.

Houve um aumento de 30% nas taxas de câncer de mama entre as que ingeriram álcool em comparação àquelas que não beberam nada.

Um dado que talvez você não saiba é que o consumo de álcool é a segunda principal causa de câncer, ficando atrás apenas do cigarro.

É claro que uma dose moderada por dia até pode ser saudável ( tipo uma taça de vinho por dia), mas consumir em excesso causa insuficiência cardíaca, acidente vascular cerebral e até mesmo morte súbita.

Os principais tipos de câncer entre os dependentes de álcool estão na boca, esôfago, fígado, cólon, reto e, entre as mulheres, tumores na mama. Portanto, atente-se ao consumo de bebidas alcoólicas, já que o câncer não é o único fim para quem faz uso dessas drogas liberadas.

4 – Refrigerante

10 alimentos que mais causam câncer

Quantas vezes você já ouviu falar que o refrigerante é cancerígeno e você achou que era apenas um boato para que você parasse de beber? Pois saiba que não é bem assim.

Apesar de viciante, essa bebida é causadora de câncer, sim. Além disso, quem a consome todos os dias também tem um risco maior de um acidente vascular cerebral.

Tudo porque eles são cheios de açúcar e as ditas “calorias vazias”, aquelas que fazem você engordar apenas, não tendo nenhum tipo de vitamina.

Além do mais, refrigerantes acidificam todo o organismo.

E para piorar contém ácido fosfórico, que interfere com a capacidade do organismo em absorver cálcio, e pode levar à osteoporose, cáries e fraqueza dos ossos em geral.

O ácido fosfórico também interage com a acidez do estômago, diminuindo a absorção de nutrientes.

Você sabia que uma lata de refrigerante contém o equivalente a 10 colheres de açúcar.

Essa quantidade absurda vai causar um aumento incrível da glicose no sangue, com os subsequentes picos de insulina.

Isso é um verdadeiro banquete para as células cancerígenas.

Além de que, aumenta a capacidade do corpo em armazenar gordura, além de, no longo prazo, poder levar ao diabetes e outros problemas de coração.

Sem falar que os picos de insulina causados pelo açúcar do refrigerante ainda têm o efeito de sabotar seus mecanismos de saciedade, ou seja, você vai sentir mais fome, mais vezes ao dia.

Apenas retirar as bebidas açucaradas da sua dieta é capaz de reduzir em inacreditáveis 40% a ingestão de açúcar.

Pesquisadores da Harvard descobriram que ingerir uma bebida açucarada por dia aumenta 20% o risco de um homem ter um infarto durante um período de 22 anos.

Tá bom pra você?

5 – Alimentos Diet e Light

10 alimentos que mais causam câncer

O que é um alimento diet? É aquele produto que contém aspartame, um produto químico usado para adoçar artificialmente um alimento, já que eles são livres de açúcar.

Existem inúmeros estudos que mostram o aspartame como um grande vilão, provocando enfermidades como câncer, defeitos congênitos e problemas cardíacos.

Essa dieta normalmente é aplicada àquelas pessoas que não podem ingerir açúcar, como os diabéticos, por exemplo. Além disso, esses produtos diet podem causar uma dependência semelhante à cocaína.

Portanto, prefira produtos naturais, de preferência sem qualquer tipo de adoçante, frutas e legumes para uma alimentação saudável.

Muitas pessoas acreditam que, consumindo alimentos “light”, vão ter uma dieta mais equilibrada e saudável. A triste realidade é que esses alimentos somente têm menos açúcar e gordura que os convencionais, e por isso ajudam a perder peso.

Mas, eles contêm algumas substâncias que poderiam estar relacionadas a um maior risco de câncer, como é o caso dos edulcorantes artificiais.

A solução?
Manter uma dieta saudável rica em frutas, verduras e cereais. Comer como nosso avôs e bisavôs.

6 – Pipoca de micro-ondas

10 alimentos que mais causam câncer

Elas são deliciosas, práticas e muito fáceis de serem feitas. Mas as pipocas de micro-ondas são muito perigosas para a saúde.

Tudo começa pelo próprio saco do alimento, que são revestidos com uma substância química chamada ácido perfluorooctanoic (PFOA), um composto também encontrado em objetos revestidos com Teflon.

O PFOA aumenta significativamente o risco de tumor no rim, na bexiga, no fígado, pâncreas e testículos. Além disso, o alimento traz vários conservantes, como o propilgalato, que causa câncer no estômago e erupções na pele.

Se você também gosta de pipoca e adora consumi-las enquanto assiste a um filme, opte por prepará-las de forma caseira, com milho orgânico e óleo vegetal. Esta é uma opção saudável, econômica e muito fácil.

7 – Pão tostado

10 alimentos que mais causam câncer10 alimentos que mais causam câncer

Você gosta daquele pão tostadinho feito na torradeira toda manhã? Ele é realmente uma delícia, mas pode ser altamente perigoso para a sua saúde.

Tudo porque, quando o alimento é elevado às altas temperaturas para ficar crocante, se forma um composto chamado acrilamina.

A acrilamina é responsável por aparecimento de tumores em seres humanos.

Um relatório científico publicado pela Agência de Normas Alimentares do Reino Unido (FSA), chamou a atenção para esses riscos.

A acrilamida faz parte da lista de produtos provavelmente carcinogênicos para humanos estabelecida pela Agência Internacional de Pesquisa do Câncer (Iarc) da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Esta é a mesma categoria em que a carne vermelha passou a ser enquadrada recentemente.

Os efeitos nocivos da substância foram verificados em testes com animais e em laboratório. Segundo a FSA, o efeito nos humanos depende da quantidade do produto ingerida.

E não só os pães são vilões, mas também as batatas fritas, os biscoitos, as bolachas e tudo aquilo que fica crocante, assim como todos os tipos de frituras.

Por causa de tudo isso, controle a alimentação e policie-se com relação a essas comidas. Principalmente entre as crianças que tanto gostam de coisas desse tipo.

8 – Batatas chips

10 alimentos que mais causam câncer

Quem não gosta de um saquinho ou latinha de batatas chips? Elas estão ali a qualquer momento para satisfazer as nossas vontades, saciar a nossa fome e são, inegavelmente, deliciosas.

Porém, cada embalagem esconde um perigo real para a nossa saúde: Uma ação cancerígena bem alta, além de grande ganho de peso.

Além de formarem acrilamina, elas trazem aromas artificiais, conservantes, corantes e muitas outras substâncias químicas em grande quantidade.

9. Churrasco

10 alimentos que mais causam câncer

Nesse caso, o vilão principal nem é a carne, mas a forma como ela é preparada.

Na fumaça do carvão há dois componentes cancerígenos: o alcatrão e o hidrocarboneto policíclico aromático.

Ambos estão presentes na fumaça e impregnam o alimento que é preparado na churrasqueira.

Eles também possuem fatores mutagênicos que levam ao aparecimento de tumores.
Somente agora, eu entendo porque na Europa as churrasqueiras são elétricas! A primeira vez que vi, achei sem graça. Mas elas são muito mais saudáveis.

10. Enlatados

10 alimentos que mais causam câncer

Vários estudos identificaram que os alimentos enlatados poderiam ser cancerígenos devido a um componente chamado Bisfenol-A (BPA) que está presente nas latas.

Não existe uma opinião unânime no momento de confirmar a quantidade de Bisfenol nos alimentos enlatados . Nem se ele está ou não sendo transferido para os alimentos contidos dentro das latas.
O que fazer então?

Reduzir o consumo de alimentos enlatados e buscar no mercado aqueles que estabelecem especificamente que são livres de BPA.

Comer menos da caixa e da lata e comer mais verduras e legumes.
Apoiar os agricultores locais e optar por comprar sempre alimentos orgânicos.

Afinal, ainda temos que lidar com os alimentos transgênicos que são alterados geneticamente .

E durante o processo de cultivo são submetidos a herbicidas e pesticidas que podem afetar a qualidade do produto sem que o consumidor se dê conta. Estes componentes químicos que entram em contato com os alimentos estão relacionados ao câncer e a outras doenças.

Infelizmente nosso planeta está cada dia mais doente, e nós estamos adoecendo junto com ele!

A alimentação desempenha um papel muito importante na saúde de todas as pessoas. Existem alimentos saudáveis que oferecem importantes benefícios à saúde e que atuam como protetores do corpo diante de diferentes doenças.

Espero que esse artigo sirva de alerta e te ajude a fazer escolhas mais conscientes.
Compartilhe para que mais pessoas tenham acesso a esse conteúdo.

Coloca nos comentários qual o alimento que mais te surpreendeu.

Se você deseja melhorar a sua alimentação, ASSISTA A ESSE VÍDEO, no qual eu falo sobre a Dieta que adotei após o meu diagnóstico.

 

dieta anticâncer-dieta alcalina

48 Comentários


  1. Obrigada Paty! Conhecimento é sempre bom!!
    A maioria eu já cortei da minha alimentação. Falta a farinha integral


  2. Excelente artigo! Informações muito preciosas para quem está em tratamento ou quer se previnir desse mal! Realmente, alimentação é a base de tudo, e através de seu blog tenho aprendido muitas coisas importantes e que muito têm me ajudado! Um beijo e continue com esse trabalho maravilhoso! Muita saúde pra você!??


  3. O q + me suepreendeu foi o churrasco!!!


  4. Obrigado, parabéns bela iniciativa de ajudar. Dicas importantíssimas.

Página 1 de 10 Próximo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *