Como saber se o seu corpo está muito inflamado e reduzir a inflamação crônica

Quando comecei a ligar os pontos entre inflamação crônica e o Câncer, a minha Alimentação e Estilo de vida, comecei a me sentir, pela primeira vez, com plenos poderes para cuidar da minha própria saúde de maneira eficaz.

A partir do momento que me conscientizei de que as nossas escolhas diárias são a raiz da inflamação crônica, tenho mudado  totalmente meu estilo de vida :

Desde o carrinho de compras de supermercado, minha geladeira,  rotina e hábitos, até mesmo a minha necessaire de cosméticos.

Tudo, em um esforço para fortalecer meu sistema imunológico.

E como eu consegui me mudar de uma vida estressante, sem propósito, cheia de alimentos industrializados “light / diet”, toxinas e relacionamentos vazios para uma existência mais equilibrada, com uma nutrição balanceada e alcalina, crescimento interior e vida consciente, comecei a experimentar os benefícios das minha escolhas!

Já no inicio das mudanças que fiz, lá em 2014, percebi que a  inflamação crônica diminuiu. E meu corpo começou a trabalhar para me curar e me manter saudável até hoje.

Quer começar a ligar os pontos na sua vida?

Então, fica comigo porque independente de você ser paciente oncológico ou não, vai entender porque a inflamação crônica está  relacionada ao Câncer e diversas outras doenças degenerativas.

Também vou te contar quais os sinais que o seu corpo te dá quando está muito inflamado. E como você pode desinflamá-lo rapidamente e de forma natural.

Primeiro, vamos aprender sobre a inflamação aguda e crônica. Já que elas desempenham papéis muito diferentes na nossa saúde.

Em seguida, abordaremos as causas da inflamação crônica e como reduzir seu impacto em sua saúde.

O que é inflamação?

Como saber se o seu corpo está muito inflamado e reduzir a inflamação crônica

Inflamação aguda

É a resposta imune natural e útil do seu corpo a danos nos tecidos.

Quando você cai da sua bicicleta, por exemplo, e rala o joelho.

O machucado  incha, fica vermelho e parece … inflamado!

Estes são  sinais de que seu sistema imunológico está trabalhando, enviando glóbulos brancos para o local de sua lesão para sarar o seu joelho.

Nesta situação, a inflamação é nossa amiga, pois é extremamente necessária para que o nosso corpo se restabeleça.

E isso acontece sempre que nos machucamos. Essa inflamação, portanto, faz parte do processo de cura e não poderíamos viver sem ela.

Inflamação crônica

Como saber se o seu corpo está muito inflamado e reduzir a inflamação crônica

É a resposta imunológica confusa e prejudicial do seu corpo a uma enxurrada de invasores ambientais.  Além de fatores físicos, mentais e emocionais, que vêm na forma de stress, dieta pobre de nutrientes, produtos químicos tóxicos, etc.

Pois é, esse é um tipo de inflamação silenciosa (ainda que violenta) que pode ocorrer sem que você perceba.

O que você come, bebe e até mesmo sente ( ansiedade e stress), toxinas ambientais, fumo, bebida alcoólica e um estilo de vida sedentário, são responsáveis por criar  inflamação no seu corpo.

Quando seu corpo atinge uma sobrecarga inflamatória, seu sistema de defesa fica tão sobrecarregado e confuso que, literalmente, não sabe a diferença entre o invasor e você.

E o resultado, é que o seu sistema imunológico, bem intencionado, liga-se a si mesmo, destruindo células saudáveis, tecidos e tudo o mais em seu rastro.

Essa é a origem de diversas doenças autoimunes.

Nessa situação, nosso sistema imunológico também pode estar tão ocupado, tentando combater os hormônios de stress no nosso corpo, que não é capaz de identificar células com defeitos no código genético para eliminá-las.

É aí que mora o perigo! Porque sem esse controle de qualidade funcionando de maneira eficaz, essas células defeituosas, que podem ser cancerosas, ficam à vontade para se multiplicar indiscriminadamente.

O fato é que Doenças crônicas e degenerativas ( algumas que eu nunca tinha ouvido falar) estão se disseminando de forma assustadora.

Nomes como Lúpus eritematoso sistêmico, esclerose múltipla, doença de Crohn, diverticulite,  fibromialgia, síndrome da fadiga crônica, Alzheimer e muitas outras estão se tornando comuns no nosso vocabulário.

E no entanto, muito recentemente,  pouco se conhecia dessas doenças.

Por isso, é tão importante mantermos o nosso sistema imunológico fortalecido e desinflamar nosso organismo.

No livro Anticâncer, o autor cita um estudo  do Dr. Harold Dvorak, professor de patologia da Universidade de Medicina de Harvard, intitulado: “Tumores-Feridas que não curam.”

Nesse estudo, ele demonstra a similaridade espantosa entre os mecanismos postos em execução pela inflamação necessária à reparação de feridas, de um lado (inflamação aguda).

E a fabricação de tumores cancerosos, de outro (inflamação crônica).

Ele  também destaca que mais de um câncer de colo de útero está ligado a um estado inflamatório crônico, como o HPV (papilomavírus).

Além disso, cita o Câncer de cólon, muito frequente em pessoas que sofrem de uma doença inflamatória crônica do intestino.

O Câncer de estômago, ligado à infecção pela bactéria Helicobacter Pylori, que igualmente causa úlceras.

O Câncer de fígado,  relacionado à infecção pela hepatite B ou C.

O Câncer de pulmão,  também relacionado à infecção de brônquios causada pelos numerosos aditivos tóxicos da fumaça de cigarro.

Hoje é senso comum entre a comunidade científica o entendimento de que:

Da mesma maneira que as células do sistema imunológico agem para reparar as lesões, as células cancerosas precisam produzir inflamação para sustentar seu crescimento.

É por isso, que todo paciente oncológico precisa unir esforços , afim de parar de dar munição ao câncer.

E  a melhor maneira de fazer isso é diminuindo a inflamação crônica do seu organismo.

Algumas das causas da inflamação crônica

A inflamação crônica é desencadeada por vários fatores. Mas a maioria deles está dentro do seu controle e pode ser evitada. Como você verá a seguir.

Escolhas inadequadas na dieta

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Como diria, o pai da Medicina, Hipócrates:

” Você é o que come”...

Alimentos processados, muitos produtos de origem animal , bebidas açucaradas, açúcar e farinhas refinadas, gorduras trans e álcool são um banquete para inflamar seu organismo.

Já falei especificamente da alimentação inflamatória no artigo: Conheça os 10 alimentos que mais inflamam você!

Devemos procurar manter nosso terreno biológico, que são nossas células, fluidos, tecidos e órgãos, limpo e sadio.

Precisamos nos alimentar de uma forma não inflamatória, não oxidante, não alérgena e alcalina!

Oferecendo ao nosso organismo os nutrientes necessários para que o nosso corpo faça o que ele foi projetado para fazer (quando a gente não atrapalha) : Nos manter saudável.

 

Problemas de saúde intestinal

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

O Câncer de cólon e reto é a segunda doença mais diagnosticada nos Estados Unidos.

Aqui no Brasil é o segundo Câncer mais incidente entre as mulheres, perdendo apenas para o Câncer de Mama.

Ele está intimamente relacionado à Sensibilidades alimentares e condições inflamatórias crônicas.

No livro “O cérebro desconhecido”, Dr. Helion Povoa explica que o nosso tubo digestivo, feioso, capaz de produzir coco e puns, é na verdade nosso segundo cérebro, sensível, pensante e irritável…

Para mim, foi novidade descobrir que, a área de absorção intestinal é da ordem de 200 metros quadrados em um adulto. O equivalente a um campo de 25 por 8 metros!

Além disso, existem milhões de neurônios no tubo digestivo!

Sim, isso mesmo! Nosso intestino tem neurônio!

E pasme: Nosso intestino  também tem memória emocional…

E é capaz de emitir sinais transmissores sutis ao cérebro branquinho, limpinho e chique lá de cima.

O Maior mediador do pensamento, a serotonina, tem 95% de sua produção feita nos intestinos.

Portanto, o que temos no intestino além de influenciar nossa saúde, influencia também nossos pensamentos e bem estar.

Quem nunca ouviu a expressão: “fulano está enfezado”?  Ou “ciclano está se borrando de medo”?

Precisamos considerar ainda que os intestinos possuem funções de regulação de todas as glândulas do corpo, que é estratégico para a formação do sangue, que é a base da nossa imunidade.

Estresse e exaustão emocional

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Também já escrevi aqui um artigo explicando a relação do Stress e o Câncer: Stress causa Câncer? 

Então, agora quero destacar apenas  uma causa que faz “explodir” a produção de substâncias inflamatórias no nosso organismo: Sentimentos persistentes de impotência…

Sabe aquele desespero que corrói a gente por dentro e não cede?

Não estamos falando aqui de um stress corriqueiro no trânsito ou no trabalho, mas de uma situação que nos causa esse sensação de impotência.

Normalmente, alguma situação que se arrasta por muito tempo.

Como por exemplo, um casamento em crise, o término doloroso de um relacionamento, ter que cuidar de alguém doente sem perspectiva de cura,  lidar com a dor causada pela morte de um ente querido, etc.

Ou, como no meu caso, viver por anos extremamente insatisfeita com o trabalho. Mas não conseguindo enxergar outras possibilidades, com medo de mudar de vida.

Morrendo por dentro a cada dia e  por medo de sair da zona de conforto, “empurrando a vida” com a barriga…

Enfim, qualquer situação na qual não enxergamos luz no fim do túnel, que nos causa exaustão e stress emocional por anos a fio.

Estilo de vida sedentário

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Existem diversas maneiras de dizermos ao nosso corpo o quanto ele amado e respeitado.

De fazê-lo sentir desejo de viver. E o melhor é deixar ele fazer aquilo para que foi concebido: Correr, caminhar, nadar, dançar, etc.

Enfim, se movimentar.

Em outras palavras, fazer atividade física ativa a vitalidade do nosso corpo.

Se você conhece a minha história, já sabe que fui diagnosticada quando estava na Alemanha.

E fiz uma mastectomia radical com reconstrução imediata antes de voltar ao Brasil para iniciar a quimioterapia.

O que você talvez não saiba é que, o oncologista que me atendeu lá, prescreveu 30 minutos de atividade física (aeróbica) todos os dias, junto com as sessões de quimioterapia e radioterapia, como se fossem remédio!

Fiquei impressionada com essa abordagem. E depois pesquisando, descobri que inúmeros estudos científicos são unânimes em afirmar que exercícios físicos reduzem até 50% os riscos de uma recidiva.

Nem medicamentos, como o tamoxifeno, têm um resultado positivo tão expressivo!

Por outro lado, o sedentarismo, está intimamente ligado ao sobrepeso e obesidade, que são fatores de risco para o câncer.

Já a atividade física,  transforma toda a nossa fisiologia: Em primeiro lugar, ela reduz a quantidade de tecido adiposo, principal local de estocagem de toxinas.

Além de contribuir para o equilíbrio hormonal, reduzir a taxa de açúcar do sangue, e consequentemente,   a secreção de insulina e IGF (fator de crescimento semelhante à insulina), que contribuem dramaticamente para a inflamação dos tecidos.

Resumo da ópera: Qualquer atividade física capaz de reduzir a gordura, e com ela seu depósito de contaminadores, é o primeiro método de desintoxicação do corpo.

Dando uma olhada nesta lista das causas mais comuns da inflamação crônica, alguma coisa te  parece familiar?

Se você não acha que essas coisas são um risco para sua saúde a longo prazo, repense seu estilo de vida.

Afinal, a inflamação crônica não está relacionada somente ao Câncer.

Ao longo do tempo, ela desgasta seu sistema imunológico. Levando, consequentemente, a  outras doenças crônicas e  problemas de saúde.

Fique atenta aos Alertas que o seu corpo te manda porque está muito inflamado

O nosso corpo sempre nos manda mensagens. Em nome da nossa saúde, precisamos aprender a escutá-lo.

seu intestino está desregulado

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Se você  tem prisão de ventre constantemente ou episódios de diarreia (e não está em tratamento). precisa rever a sua alimentação urgentemente.

Adotar uma Alimentação saudável, aprender a comer comidade verdade!

Assim, como um carro que ao abastecermos com gasolina adulterada, não vai funcionar bem.

Seu intestino também está te dando sinais de que o combustível que você tem dado ao seu corpo é de qualidade no mínimo duvidosa.

 

Sua energia oscila

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Se você sente constantemente que a sua pilha está acabando antes do dia.

Ou você já acorda cansada, você precisa dar mais atenção a esses sinais que o seu corpo está que enviando de que está sobrecarregado.

Ele está te dizendo que não está aguentando a pressão que você está colocando sobre ele…

O descanso, assim como atividade física, é um pilar importantíssimo para quem deseja ter uma vida saudável.

Sua urina está escura

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

A nossa urina deveria ser amarela bem clarinha, quase transparente.

Se ela está escura,  das duas, uma : Ou você está bebendo pouca água. E com isso, está desidratando. Ou seu organismo está te pedindo arrego.

Pois, a urina é um produto de “lixo líquido” que é filtrado do sangue pelos rins, armazenado na bexiga e expulso do corpo durante a micção.

Portanto, se sua urina estiver com coloração e/ou  odor forte e você não está fazendo uso de medicamentos, e você bebe mais que dois litros e meio de água por dia, procure um médico.

Sua pele está com espinhas, olheiras, oleosidade

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

A nossa pele, o maior órgão do corpo humano, também é um reflexo do que comemos e do nosso estilo de vida de maneira geral. Ela sinaliza o que está passando dentro do nosso corpo.

Stress, má alimentação, falta de descanso, fumo e álcool influenciam diretamente na saúde da sua pele.

E portanto, aprender a gerenciar suas emoções, fazer uma alimentação regrada são os cosméticos mais eficientes que você pode usar para promover a beleza da sua pele.

Corpo “pesado”

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Se você já acorda se arrastando e passa o dia inteiro com a sensação de que está carregando uma tonelada junto com você.

Se você não tem energia para fazer nada, seu organismo está gritando por socorro!

Escute seu corpo, e mude o que for necessário, para recuperar e energia e vitalidade.

Mude o quanto antes, porque uma hora a conta chega.

5 formas naturais de reduzir a inflamação crônica

1.Coma mais alimentos ricos em vegetais, integrais e ricos em nutrientes.

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Retire os alimentos inflamatórios que discutimos acima (açúcar  e farinha refinada, alimentos processados, produtos de origem animal, etc.)  e adicione uma variedade de alimentos integrais à sua dieta.

Esses alimentos vão inundar seu corpo com vitaminas, minerais, fitoquímicos que combatem o câncer. Além de, antioxidantes e fibras que ele precisa para se recuperar da inflamação crônica.

Precisa de receitas?

Conheça a Coleção MINHA ALIMENTAÇÃO ANTICÂNCER  e aproveite para saber o que eu estou comendo (manhã, tarde e noite) e descubra o que estou cozinhando.

São 5 Livros Digitais com mais de 300 receitas, sugestão de cardápio semanal e muita dica de alimentação saudável para quem deseja recuperar e manter a saúde através da alimentação.

ALIMENTOS ALCALINOS

-Descubra quais os alimentos que mais inflamam nosso organismo e quais precisam ser evitados.

-Porque e como funcionam os alimentos alcalinos.

-Os principais benefícios para a nossa saúde.

-Quais os alimentos mais poderosos para a manutenção de nossa saúde (não fique sem eles!!!).

-Sugestão de cardápio semanal

CLIQUE AQUI e garanta o seu Livro digital.

 

SUCOS FUNCIONAIS

-Descubra porque estes sucos podem ser aliados na manutenção da saúde.

-Quais os benefícios de cada suco funcional.

-Quais as melhores frutas e verduras para serem consumidas nos seus sucos.

-Dicas de preparo para deixar os sucos ainda mais saudáveis.

Tenha acesso a Mais de 100 receitas de sucos para fortalecer o sistema imunológico, desintoxicar o organismo e ter mais energia e saúde.

CLIQUE AQUI e garanta o seu Livro digital.

 

SOBREMESAS SAUDÁVEIS

-Saiba como diminuir o consumo de açúcar, substituindo por alternativas que não provocam pico de insulina e glicemia.

-Descubra quais as melhores farinhas funcionais para substituir a farinha de trigo

-Como fazer e usar leites vegetais em substituição ao leite de vaca.

-Aprenda mais 60 receitas deliciosas e saudáveis de bolos, tortas, sorvetes, cupcakes para comer sem culpa!

CLIQUE AQUI e garanta o seu Livro digital.

SALADAS ALCALINIZANTES

– Descubra como  preparar  mais de 20 molhos caseiros saudáveis para incrementar  as  suas saladas : Maionese, mostarda,  ketchup, molho caesar, vinagrete, etc.

Todos sem nenhum conservante!

– Aprenda opções criativas para enriquecer qualquer cardápio, explicadas passo a passo e de maneira simples

-Dicas  práticas sobre como lavar e armazenar corretamente as hortaliças, retirar agrotóxico e fazer com que elas durem mais.

– Tenha acesso a orientações sobre escolha dos alimentos selecionados, entre folhas, legumes, grãos, raízes e proteínas vegetais que agradarão aos mais diversos paladares.

-São  50 Receitas de Saladas  fáceis de fazer que agradam os olhos e paladar de toda a família.

CLIQUE AQUI e garanta o seu Livro digital.

 

SOPAS E CALDOS NUTRITIVOS

-Você vai descobrir quais as opções de óleos mais saudáveis para para refogar e cozinhar os alimentos sem que eles percam o valor nutritivo.

-Como fazer manteiga clarificada (ghee) na sua casa.

-Como preparar seus temperos, massa de tomate e creme de leite em casa e fugir das versões industrializadas.

-Como fazer pães sem glúten e lactose para acompanhar suas sopas e cremes

– Você vai ter a acesso a Receitas leves, simples de fazer, com os ingredientes que sempre temos em casa.

CLIQUE AQUI e garanta o seu Livro digital.

2. Concentre-se na sua saúde intestinal

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Seu intestino detém aproximadamente 60-70 por cento do seu sistema imunológico. Por isso é lógico que seria um ótimo lugar para reduzir a inflamação crônica.

E se o seu intestino está em má forma, você pode imaginar que seu sistema imunológico está em sérios problemas.

Se você puder fazer apenas uma mudança para desintoxicar seu organismo, escolha focar na sua alimentação e o resultado virá rapidamente.

Você tem algumas opções para testar sua saúde intestinal : Observe seu exame de sangue e / ou seu cocô.

Pode não ser bonito, mas o conhecimento é poder.

E nesse caso, é poder pra recuperar e manter a saúde! Então, vale o sacrifício.

Se o seu coco for várias bolinhas, tipo coco de cabrito. Isso significa que você está bebendo pouca água e/ou comendo pouca fibra.

Então, fica a dica: O seu coco tem que ter formato de banana. ( Pode ser engraçado, mas não é piada não!)

3. Identifique as sensibilidades alimentares e infecções crônicas (ou ocultas)

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Você pode estar lutando uma batalha perdida se ignorar potenciais sensibilidades alimentares e / ou infecções.

Se o seu corpo está trabalhando para lidar e lutar contra esses desafios todos os dias, você pode apostar que você está alimentando o fogo da inflamação em uma base regular.

Além dos alimentos pró-inflamatórios que já citei, tenha em mente que o glúten, soja, laticínios, ovos e fermento são alimentos problemáticos comuns que podem distrair seu sistema imunológico toda vez que você se senta para uma refeição.

Essas alergias e/ou intolerâncias podem ser identificadas com um exame de sangue ou saliva.

Se você acha que pode ter uma alergia ou sensibilidade alimentar, procure um profissional (nutricionista ou nutrólogo) capacitado para te orientar .

Outra possibilidade que vale a pena explorar é a infecção crônica (bactérias, vírus, leveduras, parasitas).

Esses caras podem estar se escondendo em seu corpo  e arrastando seu sistema imunológico para baixo.

4. Relaxe e descanse mais

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

Saiba que o seu corpo está trabalhando duro para consertar e restaurar suas células,  enquanto você dorme.

A maioria dos médicos recomenda sete a oito horas de sono por noite.

Se você está dormindo menos, está enganando seu sistema imunológico.

O que significa que ele precisa entrar em alta velocidade em um esforço para mantê-lo bem.

O estresse anda de mãos dadas com a falta de sono e uma lista de exigências em nossas vidas diárias.

Infelizmente, quando você está estressado o tempo todo, você também está produzindo mais do hormônio cortisol – o melhor amigo da inflamação.

É lógico que você pode facilmente reduzir a inflamação crônica, concentrando-se na redução do estresse.

Seja através de mais sono, yoga, meditação, longas caminhadas, menos tecnologia ou umas férias para repor as baterias.

5. Reduzir toxinas em sua comida, casa e produtos de higiene pessoal

Como saber se o seu corpo esta muito inflamado e reduzir a inflamacao cronica

O sistema de alarme do seu corpo dispara quando você absorve substâncias químicas tóxicas e pesticidas através do trato digestivo e da pele.

Reduza sua exposição comendo alimentos orgânicos sempre que possível e escolhendo produtos de limpeza e cuidados pessoais não-tóxicos.

Em breve postarei aqui, dicas sobre produtos de limpeza  caseiros  e cosméticos naturais que  irão ajudá-la a fazer as escolhas mais saudáveis ​​para você e sua família.

Há muitas outras maneiras de reduzir a inflamação crônica. Mas, essas cinco sugestões são um ótimas para começar.

Agora quero saber a sua opinião: Você achou essas abordagens úteis pra sua própria vida? O que você achou mais eficaz na redução da inflamação?

E o mais importante: Que mudança você vai fazer no seu estilo a partir de agora para ajudar o seu organismo a se desintoxicar?

 

FONTE DE PESQUISA:

Anticâncer – David servan Shreiber

Lugar de médico é na cozinha – Dr. Alberto Peribanez Gonzalez

O cérebro desconhecido – Dr. Hélion Póvoa

 

24 Comentários


  1. Oi querida, infelizmente no momento não estou podendo adquirir seus livros pois minha condição financeira não permite. Muito obrigada pelas dicas vou tentar segui-las! Eu sou paciente oncológica e sigo uma dieta da minha nutricionista. Bjs


  2. Parabéns pelo o conteúdo, muito bom. Que Jesus te abençoe com muita saúde. Gostaria de compras sfuz livros , mais estou numa crise financeira , e só meu esposa trabalhar , não tem como comprar.


  3. Acabei de fazer meu tratamento há 30 dias, terminei minha última sessão de radioterapia, faço uso do Tamoxifeno e durante todo meu tratamento tenho te acompanhado, Pathy! Me ajudou muito com seus artigos, dicas, comprei seus livros, enfim, graças à Deus tenho me sentido bem, só me falta começar as atividades físicas, como você disse, o sedentarismo é um dos grandes vilões para inflamação do nosso organismo, mas já estou tomando providência, ou melhor, coragem mesmo kkkk! Emagreci muito, perdi toda massa gorda, magra, muscular… E tô com receio de fazer qualquer exercício, pretendo iniciar com pilates e hidroterapia! Muito obrigada, Pathy, que Deus continue abençoando sua vida! Beijo no seu coração ❤😗


  4. Entendo querida, por isso estou sempre publicando gratuitamente conteúdos de qualidade com dicas de alimentação a todos que desejam prevenir e curar doenças com ajuda da alimentação. Beijão!


  5. Olá flor , gostaria muito de adiqueri seus livros mais no momento estou sem condições financeiras,o desemprego nos deixa sem opções de fazer muitas coisas ,o senhor te abençoe e continue a restaura a sua e a de muitas pessoas seja nesse processo ou outro ,bjs
    Jocilene

Página 1 de 5 Próximo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *