2014 – O ano que fui diagnosticada com câncer

2014, Copa do Mundo. Mas para mim esse ano foi muito mais marcante porque em plena copa do mundo, eu fui diagnosticada com Câncer.

Mais um ano chegando ao fim… É inevitável não fazermos o balanço do ano que passou. E criarmos nossas metas e perspectivas para o novo ano que em breve se iniciará.

Mas o que dizer, quando no ano que se finda, o evento mais marcante foi ter sido diagnosticada com um câncer?

Poderia falar das dúvidas, medos, dores, choros e perdas, e creio que teria um séquito de seguidores para enxugar as minhas lágrimas e engrossar o coro dos mal afortunados.

Mas prefiro focar na superação …

O ano de 2014, para mim foi certamente o ano do camaleão: Nunca pensei que fosse precisar de tanta flexibilidade para sobreviver.

Como um camaleão, tenho me adaptado a cada nova realidade que a vida tem me imposto. Nunca mudei tanto de aparência… Acho que em seis meses, mudei mais de cabelo do que uma mulher mudaria em toda a sua vida…

Já que ficaria careca, por que não brincar com o meu cabelo enquanto ainda os tinha? E sabe que até achei que fiquei uma carequinha simpática! Me vi diante da possibilidade de usar peruca, mas desisti logo, pois toda vez que usava, sentia que tinha um cachorro morto na minha cabeça.

Além do calor do Rio de Janeiro, os calores proporcionados pelo tratamento inviabilizaram qualquer tentativa de usar peruca. Mas me diverti com elas, e com a possibilidade não só de cabelos diferentes, mas de lenços e suas amarrações.

E no meio disso tudo, aprendi a me reinventar, aprendi  que apesar de ser clichê, é verdade que a beleza vem de dentro, e não do seu cabelo, ou do corpo perfeito, ou o que quer que seja! Se for só casca… Se não houver a essência, tudo se perde.

Pois é… Mas minha mudança externa, reflete algo muito maior, uma mudança interna. Valores… Sentimentos… Visão do mundo… Da vida… Nunca pensei que fosse tão forte! E tão frágil também!

Nunca pensei que fosse me surpreender com tantos gestos de carinho… de familiares, amigos e até estranhos.

Esse foi um ano que fiz muitas amizades. Conheci muita gente bacana, que quero levar comigo, mesmo depois que toda essa história passar… Também fortaleci laços antigos, recebi o carinho de amigos verdadeiros, com quem sei que realmente posso contar e até retomei amizades que a vida tinha levado para longe.

Enfim, 2014 certamente foi o ano mais difícil da minha vida. Mas sobrevivi a ele. Aos que disseram que tiraria de letra, quero deixar bem claro que ninguém tira um câncer de letra. Mas tenho aprendido muitas coisas, em especial a fazer uma limonada com os limões que a vida me oferece.

E quanto às expectativas para o futuro? Espero que 2015 possa me trazer muita saúde e que eu não perca a capacidade de aprender…

2014: O ano que fui diagnosticada com Câncer

Ano do camaleão em 12 fotos (minhas transformações em apenas 6 meses de diagnóstico e tratamento)

fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer
fui diagnosticada com câncer

.

6 Comentários


  1. Tbem descobri meu câncer em 2014 e me identifiquei muito com vc, com sua dissertação de como foi o ano, além do câncer tive uma sepse de fundo urinario, que poderia ter sido evitada se o meu cardiologista na epoca q viu meus exames tivesse me medicado e não apenas comentado q eu tinha
    a uma infecção mas q iria deixar para meu urologista me medicar,sem ao menos me perguntar qdo voltaria nele, mas voltemos ao câncer, depois da sepse descobri o câncer na minha mama esquerda e na correria pata fazer os exames pré operatório tive uma pancreatite, isso tudo no primeiro semestre, hoje acho q tudo isso foi um curso prepatorio pra batalha q viria a seguir que acabou sendo mais tranquila do que eh mesmo esperava.
    Não foi fácil, mas com a ajuda de Deus, dos meus familiares e amigos, consegui vencer mais essa batalha.


  2. Parabéns Patrícia que Deus continue abençoando sua vida. Você está linda . Eu nesse mês começo a primeira fase da quiomio Vermelha. Estou forte e preparada. Deus está comigo


  3. Você ficou linda em todos os estágios.

Página 1 de 2 Próximo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *