Salsa: um gigante em benefícios

Tradicionalmente a Salsa é utilizado apenas como enfeite. Mas esse tempero é um gigante em termos de benefícios para a saúde.

Esse erva aromática apresenta propriedades que podem purificar os órgãos vitais. Também trata e controla a hipertensão. Além de combater o aparecimento de distúrbios inflamatórios, inclusive o CÂNCER.

A salsa é rica em vitaminas A, B1, B2, C, D e K, além de minerais como cálcio, ferro, fósforo, magnésio e potássio.

salsa-alimentacao-anticancer-dascoisquetenhoaprendido-1

Confira a seguir os benefícios da salsa para a nossa saúde:

► Fortalece o sistema imunológico

As vitaminas A e C presentes na salsa ajudam a fortalecer o sistema imunológico do organismo.

A vitamina C é necessária para o colagênio, principal proteína estrutural do tecido conjuntivo.

E portanto, é responsável por manter o ossos e dentes saudáveis. Além de acelerar o processo de cicatrização de feridas.

Já a vitamina A fortalece as mucosas, membranas e o revestimento dos olhos. Sem falar das vias respiratórias, urinária e intestinal.

Os linfócitos, células brancas do sangue, também dependem desta vitamina para combater as infecções no organismo.

► Purifica os rins

Devido à sua grande capacidade diurética, a salsa é um ótimo remédio natural para purificar os rins, pois estimula a função renal e facilita a eliminação de líquido do corpo.

► Rica em ferro

Por ser rica em ferro, esta erva é recomendada para as pessoas que sofrem de anemia, anorexia e aquelas que apresentam fraqueza, fadiga ou cansaço físico.

► Rica em antioxidantes

A salsa é rica em substâncias antioxidantes, como a luteolina. Essa substância auxilia no combate aos radicais livres. Previne o envelhecimento precoce das células e o aparecimento de doenças como câncer.

A luteolina também serve como um agente anti-inflamatório. Por ser rica em antioxidantes, a salsinha pode auxiliar na limpeza e rejuvenescimento da pele e fortalecimento das unhas e cabelos.

► Poder anti-inflamatório

Ao lado da luteolina, a vitamina C presente na salsinha serve como um agente anti-inflamatório.

Quando consumido regularmente, o alimento pode combater o aparecimento de distúrbios inflamatórios.

Tais como osteoartrite (degeneração da cartilagem articular e o osso subjacente) e artrite reumatoide (doença que causa a inflamação das articulações).

► Combate o câncer

De acordo com alguns estudos realizados, a salsa, especialmente o seu óleo essencial, pode ser capaz de inibir os tumores cancerígenos.

Esta erva tem sido indicada pelos cientistas como um alimento “quimio-preventivo”.

► Auxílio no processo de digestão

Tomar uma xícara da infusão de salsa antes das refeições pode melhorar o processo de digestão, evitando digestão lenta e prisão de ventre.

A salsa pode ser consumida crua em saladas ou em sucos de frutas, no café da manhã ou nos pratos principais.

salsa-alimentacao-anticancer-dascoisquetenhoaprendido-3

Os benefícios proporcionados por esta erva aromática também podem ser aproveitados por meio de sua infusão, antes de cada refeição para uma boa digestão.



RECOMENDO:

4 Comentários


  1. Olá Patrícia,

    Tive câncer de mama em 2009 e depois fui curada. Dois depois o câncer aparece no fêmur e aí tive que colocar uma prótese. Depois me apareceu na coluna mas essa tá controlada e agora me surgiu no pulmão. O médico já me pediu vários exames e vou começar a quimioterapia mas meu esposo viu em alguma rede social, falando sobre o protocolo Gerson. Você poderia nos ajudar de como fazer? Estou procurando de como fazer os sucos e os seus horários como também os dias.


  2. Quem tem Leucemia mileoide Crônica também é bom o inhame?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *