Quimioterapia: saiba como funciona e quais são os efeitos

Milhares de pessoas estão passando pela doença do câncer e, desse modo, é importante sempre saber tudo sobre como funciona a quimioterapia, pois ele é um dos tratamentos que podem ajudar a combater essa doença que a cada dia tem acometido mais e mais pessoas todos os anos.

Nem todas as pessoas sabem o que é realmente a quimioterapia, apenas viram relatos ou viram em filmes e novelas. Algo assim pode ser ruim para entendermos melhor todos os processos e dificuldades que podem ocasionar por conta desse tratamento para o câncer.

Sabendo que nem todas as pessoas possuem o conhecimento mais aprofundado sobre a quimioterapia e quais são os seus efeitos nos pacientes,  decidi escrever esse artigo para dar aquela ajudinha na compreensão do assunto. Além disso, para acabar com todas as dúvidas que possam existir sobre o tema. 

Então, veja a seguir tudo sobre a quimioterapia e muito mais!

quimioterapia
Veja o que é e como é feita a quimioterapia para câncer. | Foto: Freepik.

Portanto, nós vamos falar de maneira mais aprofundada sobre o tema da quimioterapia, mas vale deixar claro também, de que será de maneira simples para que todos possam entender sem nenhum grande problema, certo?!

O que é quimioterapia?

Muitas pessoas já ouviram falar sobre quimioterapia em diversos lugares durante a sua vida, mas nunca pararam para entender melhor o que é etapa para quem está passando pela doença do câncer no corpo. E desse modo, vale explicar melhor esse processo para dar um contexto maior sobre o assunto.

A quimioterapia é basicamente um método de tratamento para o câncer de todos os tipos. Ele é baseado na utilização de alguns medicamentos que tem por objetivo a destruição das células cancerígenas que estão no corpo. Além disso, ela também serve para que não ocorra a metástase ou para combatê-la.

O metástase vale ressaltar que é um nome que pode ser confuso para quem não entende, mas ele tem significado sobre a disseminação do câncer. Assim, metástase é o “espalhamento” que ocorre do tumor do câncer para outras partes do corpo e, isso significa, um estadiamento mais avançado da doença. 

Por isso, a quimioterapia tem muita utilização no tratamento do câncer para minimizar o risco de uma metástase do tumor e no caso de metástases, para que controlar o crescimentos dessas células cancerígenas. Além disso, outro uso da quimioterapia é para que esse tumor primário      ( onde o câncer nasceu) tenha seu tamanho diminuído para passar por cirurgia da retirada dele.

Lembrando que a junção de medicamentos que é feita durante o tratamento pode ser diversificada de paciente para paciente. Então, existem muitos métodos que são específicos para que aquele caso seja solucionado da melhor maneira.

Como funciona?

Outra pergunta que pode ocasionar quando se está tentando compreender melhor sobre a quimioterapia é como funciona esse processo para o tratamento do câncer pelos pacientes que estão com essa doença.

Eu mesma, antes de fazer meu primeiro ciclo de quimioterapia, acreditava que precisaria ficar internada para fazer esse tratamento. Então,fica tranquila, que na maioria das vezes o processo é mais tranquilo do que imaginamos.

Desse modo, a quimioterapia funciona com a medicação sendo introduzida no corpo do paciente pelas correntes sanguíneas. Esses remédios diferente do que é pensado tem o efeito em todo o corpo e não apenas em uma parte corporal da pessoa. 

Portanto, a quimioterapia por não ser uma terapia dirigida é algo que pode afetar diversas as células normais do corpo do paciente e aquelas celulares que possuem uma divisão mais rápida tendem a ser mais impactadas por isso.

Por conta disso, o tratamento da quimioterapia pode ocasionar em problemas em decorrência dos efeitos colaterais, mas que a partir do fim desse tratamento, esses problemas acabam se desfazendo e voltando ao normal.

Quais são os tipos de quimioterapia?

Para quem não tem tanto conhecimento sobre o tratamento da quimioterapia, talvez, não saibam que existem quatro tipos desse procedimento. Por isso, vale a pena trazer uma ideia mais ampla sobre cada para que não reste dúvidas. Os quatros tipos de quimioterapia são: adjuvante, neoadjuvante, exclusiva e combinada.

  • Adjuvante: Esse método é utilizado após a cirurgia com a administração de medicamentos a fim de evitar o espalhamento do tumor para outras regiões do corpo;
  • Neoadjuvante: Já essa tem como seu objetivo tratar o câncer antes da cirurgia para que ocorra a diminuição do tamanho tumor ou tumores do paciente;
  • Exclusiva: Nesse aqui é apenas utilizado a quimioterapia para o tratamento do câncer sem outros métodos;
  • Combinada: Por último, temos a combinação que o seu nome já dá uma noção do tratamento. É feito um procedimento em conjunto com a radioterapia.

Quais são os resultados positivos possíveis?

Os resultados positivos são o que todos procuram quando estão passando pelo tratamento da quimioterapia para o câncer. Assim, é possível que ocorra a diminuição do tumor na região que ele apareceu no corpo e, após isso, é possível que seja feita uma cirurgia para a remoção do tumor.

Além disso, ele pode prevenir que ocorra a metástase do tumor para outras partes. Ou em caso de metástases, controlar o seu crescimento e até mesmo desaparecer por completo.

Quais são os efeitos colaterais?

Existem alguns efeitos colaterais que podem ocasionar por conta do tratamento da quimioterapia, uns são conhecidos do público e outros ninguém tem noção. 

Por isso, para sabermos todos os detalhes desse tratamento, é necessário ficarmos por dentro dos efeitos colaterais que podem acontecer com ele:

  • Queda de Cabelos;
  • Prisão de Ventre;
  • Diarreia;
  • Enjoos e vômitos;
  • Feridas nas bocas;
  • Hiperpigmentação;
  • Alterações nas células do sangue.

Vale sempre deixar claro que os efeitos colaterais podem variar de pessoa para pessoa e, claro, elas não terão todos ao mesmo tempo. Contudo, alguns pacientes podem não apresentar alguns desses efeitos, certo? Além disso, é importante consultar um médico para que ele possa indicar remédios que podem amenizar os efeitos colaterais da quimioterapia.

Está passando pelo tratamento da quimioterapia por conta do câncer? Às vezes, é importante encontrar um caminho com pessoas que podem te ajudar, por isso a Das Coisas Que Tenho Aprendido pode te auxiliar nesse processo difícil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *