Câncer com leveza: como encarar a doença com humor e esperança

Para quem acaba de receber o diagnóstico, o termo “câncer com leveza” deve parecer contraditório. Como duas palavras com cargas emocionais tão diferentes podem se unir em uma mesma frase? A verdade é que a leveza pode ser a chave para encarar o tratamento oncológico de forma mais promissora.

 

O que vem pela frente pode parecer uma montanha insuperável, devido aos desafios físicos, emocionais e mentais. No entanto, encontrar paz de espírito no meio dessa jornada difícil pode fazer toda a diferença para a escalada.

 

A seguir, quero compartilhar minha experiência e reflexões sobre um assunto tão delicado.

imagem ilustrativa de como lidar com o câncer com leveza
Entenda tudo sobre viver o câncer com leveza. | Foto: Freepik.

É possível encarar a doença com humor e esperança?

Sim, é possível. Embora o câncer seja desafiador, algumas pessoas encontram maneiras de enfrentá-lo com mais humor.

 

Manter a esperança é fundamental, pois esse é o sentimento que motiva pessoas a buscar suas curas, a adotar um estilo de vida saudável e a manter uma atitude positiva durante as adversidades da vida. Acreditar que é possível superar os desafios pode fazer toda a diferença na experiência do paciente, bem como o sucesso do tratamento. 

 

Estudos relatam que a qualidade de vida de um paciente oncológico melhora consideravelmente quando se é adotada uma postura menos negativa.

Como encarar da melhor forma o câncer de mama?

Como você deve ter ouvido falar, uma forma de lidar com problemas e compartilhá-lo. Compartilhar experiências e expor meus sentimentos com pessoas de confiança e mais ainda, com terapeutas e grupos de mulheres com desafios semelhantes  me ajudou a amenizar a solidão durante o câncer de mama.

 

Ao criarmos um espaço seguro e livre de preconceitos para trocar histórias, conselhos e piadas, criamos conexões significativas que podem ajudar a enfrentar o câncer com leveza e resiliência.

 

Quando digo “enfrentar o câncer com leveza” não significa ignorar a gravidade do problema. Pelo contrário, significa aceitar a realidade do diagnóstico, mas escolher não deixar que isso domine toda sua experiência de vida.

 

Afinal, como disse a escritora Helen Keller, “embora o mundo esteja cheio de sofrimento, ele também está cheio de superação”.

 

Aqui vai outras maneiras que encontrei para lidar com o meu câncer de mama durante o tratamento oncológico:

 

Buscar Informações

Procurar entender o máximo possível sobre o câncer de mama, incluindo opções de tratamento, efeitos colaterais e cuidados paliativos abriu meus horizontes, o conhecimento me libertou da masmorra que eu achava que estava enclausurada.

 

O conhecimento não resolveu meu problema de imediato, porém me fez enxergar os processos com outra perspectiva, sabendo que eram apenas isso: processos. Fases de algo maior, que era o tratamento.

 

O câncer de mama continuava assustador? Sim. Mas quando conheci o processo do tratamento oncológico comecei a parar de me assustar e espetacularizar tudo, sabe?

 

Converse com sua equipe médica e não hesite em fazer perguntas.

imagem ilustrativa de como enfrentar o câncer com leveza
Converse sempre com seus médicos. | Foto: Freepik.

Cuidar de mim 

Durante o tratamento, é importante cuidar do corpo e da mente. Fazer exercícios leves com apoio de profissionais e não forçar meu físico e emocional a situações estressantes, dormir oito horas e me alimentar bem contribuiu para que eu lidasse melhor com os processos, pois essas ações resultaram em maior conforto durante sessões de quimioterapia e radioterapia.

 

É um caminho resiliente que irá fortalecer sua imunidade, amenizar a fadiga e os enjôos, além de melhorar seu humor, garantindo maior relaxamento e leveza.

 

Aliás, um método de autocuidado que quero enfatizar aqui é a alimentação anticâncer. Acredito que aderir a uma alimentação saudável focada em me nutrir mais do que apenas me alimentar foi importante para minha recuperação. Inclusive mantenho essa adesão para garantir uma qualidade de vida tranquila e evitar metástases (reincidência do câncer).

 

Para conhecer mais sobre a alimentação anticâncer, clique aqui.

Procurar beleza no dia a dia

Outra maneira de enxergar o câncer com leveza é encontrar momentos de plenitude no dia a dia, seja através de piadas, jogos e livros, ou assistindo filmes engraçados e conversando com amigos e familiares.

 

O riso pode proporcionar alívio temporário do estresse e da ansiedade, ajudando a enfrentar a doença e contribuir para fortalecer o organismo que enfraquece devido ao câncer e tratamentos quimioterápicos.

pacientes de câncer se abraçando
Valorize quem está com você durante o câncer. | Foto: Freepik.

Procurar a minha beleza

Ao nos encontrarmos doentes ficamos mais abatidas, com aquela cara de cansada, nosso corpo muda, ficamos mais magras ou mesmo engordamos. O câncer costuma ser ainda mais intenso e também podemos passar pela tão temida queda de cabelo. 

 

É normal que tudo isso abale a autoestima.

 

Com a confiança baixa, nosso mecanismo de enfrentamento a adversidades fica escasso e podemos desenvolver comorbidades como quadros de depressão e ansiedade. O corpo sente. O sistema imunológico sente.

 

Então reserve um tempinho para colocar um lenço bonito, pintar as unhas com um esmalte hipoalergênico, fazer uma maquiagem (após orientação dermatológica), relaxar em um dia de Spa, receber uma massagem nos pés ou usar uma roupa bonita e confortável.

 

Essas atitudes contribuem para que você olhe para si com bons sentimentos. Lembre-se que seu corpo continua sendo a sua casa mesmo estando um pouco bagunçada.

Qual a importância de encarar a doença com leveza?

Vamos buscar essa resposta na ciência? Um levantamento, publicado no National Library of Medicine mostrou que o humor pode ajudar a reduzir a percepção da dor em pacientes com câncer, melhorando sua disposição para o tratamento. A pesquisa também sugere que o humor pode fortalecer a resiliência emocional dos pacientes.

 

Já um estudo realizado na Universidade de Oxford descobriu que o riso pode estimular o sistema imunológico, ajudando o corpo a combater a doença de forma mais eficaz. O riso aumenta a produção de hormônios que combatem o estresse, como a endorfina, e melhora o fluxo sanguíneo, o que pode ter efeitos benéficos na saúde geral do paciente com câncer.

 

Além dos benefícios físicos, o humor também pode ter um impacto positivo na qualidade de vida dos pacientes, ajudando-os a lidar melhor com os efeitos colaterais do tratamento, a manter um senso de normalidade em suas vidas e a fortalecer os relacionamentos com seus entes queridos.

 

Em resumo, os estudos indicam que encarar o câncer com leveza e humor não apenas pode melhorar a qualidade de vida dos pacientes, mas também pode ter um impacto positivo em sua saúde física e emocional. Uma coisa afeta a outra.

Como a saúde mental nesse momento pode impactar no bem-estar?

Pacientes que enfrentam dificuldades emocionais têm mais dificuldade em seguir as orientações médicas, o que pode afetar negativamente o resultado do tratamento. 

 

Por que você acha que os palhaços estão tão presentes em hospitais de câncer infantil? Portanto, é fundamental que os pacientes com câncer recebam apoio emocional e estimulem sua resiliência durante o tratamento.

 

Não deixe que sentimentos de fracasso e insatisfação sejam uma barreira no seu tratamento. Viva ao máximo o câncer com leveza, você não está sozinha. Te conto em mais detalhes sobre como enfrentei o câncer com leveza no meu livro físico. 

mulher pulando com lenço rosa em frente a fundo azul
Encare o câncer com leveza. | Foto: Das coisas que tenho aprendido.

Você pode adquirir o kit promocional com o audiobook narrado por mim, caderno de exercícios de reflexão e o meu livro físico com frete grátis na sua casa, nesse link aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *